O Diário de Abigail

O quarto da bagunça

O cheiro de café se fazia presente mais uma vez, conversas e risadas completavam a mesa com suas guloseimas. Mas algo não estava bem, uma de nós não estava sorrindo, pelo contrário segurava o choro com tanta força que tenho certeza que seus dentes rangiam. A ferida foi cutucada e o peito aberto, revelando um… Continuar lendo O quarto da bagunça