Vivemos em uma época de luta constante por direitos iguais, mulheres querendo ser reconhecidas em todas as profissões, querendo se igualar aos homens em todas as áreas. O que muitas vezes nos esquecemos e a mídia não conta é que não podemos no assemelhar aos homens em todos os quesitos. Sabe o porquê? Porque não somos homens, não fomos criadas para sermos iguais a eles. No livro de Gênesis capítulo 1 relata a criação do mundo, conforme Deus ia criando Ele apreciava e via que era bom tudo que estava fazendo, contudo, ao criar o homem “o Senhor declarou: Não é bom que o homem esteja só, farei para ele alguém que o auxilie e lhe corresponda.”  Versículo 22b “o Senhor fez uma mulher e a levou até ele.” Não fomos criadas para competir com os homens e sim para auxiliá-los (auxiliar:1 Prestar auxílio a.
2 Servir de meio para. 3 Que ou o que presta assistência a outrem na realização de alguma atividade) e corresponder (corresponder:1 Estar em correspondência; ter proporção; estabelecer simetria. 2 Ser igual, equivaler, retribuir condignamente) a eles.

É triste perceber que a cada dia que passa as jovens estão mais preocupadas com seus estudos, carreira e lugar na sociedade do que em serem auxiliadoras e corresponderem aos homens. Quantas são as que sabem mexer em notebooks, smartphones, programas de computador e quantas são as que sabem (realmente sabem) fazer uma boa janta (ou almoço) e com “fazer” eu quero dizer fazer mesmo, escolher os ingredientes (por qualidade e por preço), acertar as medidas, ficar de olho no tempo de preparo, deixar a comida saborosa, quantas? É muito fácil hoje em dia dar “likes” em fotos de comida, o difícil é colocar a barriga no fogão e fazê-las.

Ter uma família deveria ser o projeto principal de uma mulher, acredito que assim como eu, todas nós queremos ter um namorado, ficar noiva e casar. E como dizem, quem casa quer casa, mas como você pode querer uma casa se não sabe administra-la?

Em Provérbios 31 temos 17 versos sobre o que uma verdadeira mulher deve fazer ou como deve ser, com base em tudo que eu já ouvi e li a respeito pensei em fazer uma lista BEM SIMPLES de algumas coisas que a nossa geração feminina precisa se atentar.

  • Ela é exemplar na sua conduta de vida (espiritual, pessoal e profissional), ou seja, ela faz as coisas com excelência e por isso tem um auto valor, valendo assim mais que uma pedra preciosa.
  • É digna de confiança, sabe guardar segredos, sabe ser discreta e sutil, uma pessoa digna de confiança também tem que ser honesta.
  • “Nunca lhe falta coisa alguma” ela nunca é pega desprevenida, sempre está preparada para o melhor ou para o pior.
  • Bondosa, em tudo que faz ela visa sempre o bem do seu próximo, seja seu cônjuge, filhos, pais ou irmãos.
  • Sabe trabalhar com as mãos, e vai além: ela se alegra em usar suas mãos para produzir algo (seja artesanato, textos, costura, limpeza, todas nós temos aptidão para certas coisas e para outras… nada que a prática e a dedicação não resolvam.)
  • É empreendedora “ela é como navios mercantes” para explicar citarei Elizabeth George “A mulher de Provérbios 31 gasta energia alegremente para conseguir mercadorias especiais de outros lugares do mundo para sua casa.” E ainda acrescenta “Motivada por um coração trasbordante de amor, ela caminha quilômetros para proporcionar o melhor para a sua família.”
  • É proativa, é a primeira a acordar vencendo a preguiça de ficar enrolando na cama, já prepara a comida, ou seja, ela sabe cozinhar e como se não fosse o suficiente ela encarrega seus empregados do que têm que fazer. Ela só pode dar tarefas a eles se souber como fazê-las também e caso você não tenha empregadas então você mesma se incumbirá das tarefas diárias com alegria.
  • Ela mostra ter um bom juízo, cuida daquilo que consegue da melhor maneira, não deixa as coisas largadas, mostra dedicação.
  • Tem prazer em servir. Ela serve com alegria, tudo que ela tem a fazer seja em casa, no mercado ou em um escritório deve ser feito com alegria, vale lembrar que o verso 17 fala que ela tem braços fortes e vigorosos e não fracos e flácidos. O servir vem do coração de Deus para o nosso.

A lista ainda está longe de acabar e graças a Deus por isso, porque assim temos de onde tirar o modelo de mulher que devemos ser. Isso não será da noite para o dia, é um processo diário. Ninguém nasce com todas essas características mas é possível adquiri-las ao longo da vida com muita dedicação, disciplina e um coração disposto a ser moldado. Busque aprender com mulheres mais velhas, mas muito cuidado, não se deixe enganar, se espelhe apenas em mulheres exemplares que fazem as tarefas diárias sem reclamar e estão sempre com um sorriso no rosto.

Deus quer fazer de você uma mulher exemplar, Ele quer te dar um casamento feliz e uma casa aconchegante, mas para isso você precisa saber em primeiro lugar qual é o seu papel como mulher e em segundo como administrar uma casa.

JG