Queridas, vamos seguir com o nosso devocional?! Não leu a primeira parte? Clica aqui.

“Semelhantemente, ensine as mulheres mais velhas a serem reverentes na sua maneira de viver, a não serem caluniadoras nem escravizadas a muito vinho, mas a serem capazes de ensinar o que é bom.” Tito 2:3

“A não serem caluniadoras…” (v.3 b) Esse é outro ensinamento que Tito deveria passar as mulheres de Creta. Talvez você não seja caluniadora por isso vamos definir como calunia: Participação franca e intelectual de informações prejudiciais.

Sua boca: BENÇÃO ou MALDIÇÃO?

Mulheres são conhecidas por todo mundo como aquelas que falam de tudo o tempo todo, mas na visão de Deus as coisas são diferentes. “A boca do justo é fonte de vida, mas a boca dos ímpios abriga a violência.” (Pv 10:11) Use suas palavras para transmitir o calor de Cristo:

Fale menos – Pv 10:19

Fale após pensar – Pv 15:23 e 28

Fale o que é doce e agradável – Pv 16:21 e 24

“Nem escravizadas a muito vinho…” (v.3 c) Paulo se preocupava com essa parte, ele não queria que as mulheres se embebedassem com vinho, pelo contrário deveriam buscar encher-se do Espírito Santo de Deus (Ef 5:18). O Senhor não apenas nos recomenda não beber como também não ficar com os que o praticam (Pv. 23:20). Com o que você tem se enchido? O que te escraviza? Lembre-se que Deus nos chamou para a liberdade (Gl 5:13), a liberdade de dizer não a tudo que nos afasta dEle.

·         A quê uma mulher pode ser escravizada, além do vinho?

Fugir das calunias, das palavras de maldição e da escravidão nos leva a um passo mais perto de sermos capazes de ensinar o que é bom (v.3 d). E esse ensinar não se restringe ao dom do ensino, e sim no ensinar com o agir, o seu comportamento pode muito bem ensinar as mais novas como agir, o seu vestir pode inspirá-las a se vestir como você e a sua gratidão (ou falta dela) pode dizer muito sobre o que você tem a ensinar e a credibilidade de seu ensino.

·         Quais passos práticos você considera essencial para ser uma mulher segundo Tito 2?

Minha oração é que você seja livre para adorar a Deus, livre para servir a Ele, que seu comportamento seja um exemplo para as mais novas. Que você seja a mulher que Deus quer você seja.

JG